skip to main | skip to sidebar

28 de janeiro de 2009

TUDO MUDA








Muda a lagarta para vir a ser borboleta
Muda o óvulo fertilizado para vir a ser aquela linda criança, muda a criança naquele adolescente reguila, que muda para vir a ser Homem.
Mudam as vontades e os corações
Mudam os sonhos e os ideais
Muda o pensamento das gentes e o que seria bom amanhã, já o não é no dia a seguir
Muda a inteligência e o saber
Muda principalmente o sentir, pela vida fora vai minguando nuns, aumentando noutros
Muda o descobrir, o querer
Mudam as crenças e as fés, umas abrem-se à diferença, outras tornam-se facciosas
Muda a paixão e o amor
Muda a paz em guerra e a guerra em paz
Muda a saudade de Casa, muda o nosso interior
Mudam as estações, mudam os dias em noites
Muda o Homem em Velho, muda a Morte em Passagem
Expande-se o UNIVERSO
Mas sempre permanece a LUZ e o AMOR


14 comentários:

Gonçalves Ozório disse...

Gostaria eu de ter o tempo necessário para agir como um destes parasitas e, quem sabe, enfiar uma propaganda no umbigo do que escrevo. Se ao menos restasse tempo para comentar! Às vezes é até difícil fazê-lo onde gostaria de fazer sempre.

Você é religiosa?
A muda não muda, continuou muda, quieta e sem dizer um pio, ainda que permaneça a LUZ e o AMOR.

Anónimo disse...

http://nonas-nonas.blogspot.com/2009/01/o-crime-do-bispo-richard-williamson.html

claras manhãs disse...

Olá Gonçalves Ozório


Não sou freira.
Não sei o que entendes por religiosa, mas não tenho qualquer religião.
Se me perguntas se acredito?
Acreddito num Ser Superior, que me fez à sua imagem e semelhança que está em mim, e quando O descobrir, serei Ele.

beijinho

claras manhãs disse...

Olá Anónimo.

Já lá fui.
Obrigado pela informação

beijinho

mateo disse...

"Tudo é feito de mudança..."... já escrevia o Poeta.
E nela também a nossa liberdade.
Bjs

Fatyly disse...

Na vida tudo muda, porque é a lei natural das coisas, e a "LUZ" (interpretada/Vivida/sentida de mil formas que respeito em absoluto) e o "AMOR" também sofrem mudanças e por vezes vai-se do 8 ao 80 ou do 80 ao 8.
Para mim seria um aborreciment total se não houvesse mudanças.

Beijocas

claras manhãs disse...

Olá Mateo


A nossa liberdade também é feita de mudança...
Puseste-me a pensar e sim, tens razão, també é feita de mudança.
Mas não tinha pensado na Liberdade.
Boa achega!!!

beijinho

claras manhãs disse...

Olá Fatyly

A Luz e o Amor permanecem sempre, minha querida, imutáveis
A maneira de os vermos e de os sentir, é que muda, é que vai dos oito aos oitenta.
Imutáveis, penso que também não é certo, expandem-se, mas são eternos.

beijinho

Multiolhares disse...

É verdade na vida tudo passa, tudo muda, são as leis do Universo
beijos

Mariz disse...

Salvé Manhã, vestida de Claridade!

Como vais? Quanta ausência...
Já ando novamente por aqui...precisei de um tempo para retemperar forças...
Vê que demorei 4 dias a elaborar um post...há algo no ar que pressinto, mas não defino.
Fiquei uns dias de cama...não doente, mas precisei de dormir o que queria...ou o físico pedia.

Quanto a este post...bem feito!
Tudo se submete e ciclos. E neles s fazes menos boas...são os tais tempos das vacas gordas e das magras...prudência e calma, para enfrentar as mudanças...
chegam sempre na altura certa, para darmos mais um salto...
a mutação é necessária para que se CRESÇA!

Abraço de sempre
Mariz

Mariz disse...

conselho:
preserva-te das más energias...
refiro-me "ao velho da janela do 99º andar...acho que é"!

Bj
M.

claras manhãs disse...

Olá Mariz

Obrigado pelo conselho.
Grande ausência tua e minha, que tenho estado arredada da blogosfera, nestes últimos três dias.
Soube-me bem.
Não descansei muito por ter tido a família em casa, mas descansei da blogosfera, eu uma viciada
sorriso

beijinho para ti, sempre

inespimentel disse...

... nada se ganha, nada se perde ... tudo se transforma...

claras manhãs disse...

sorriso

É isso mesmo!

beijinho, Inês