skip to main | skip to sidebar

14 de abril de 2009

SOBRE O VIDEO EM BAIXO





Tenho de agradecer ao VICENTE, o mail enviado hoje, penso, nem reparei na data.
Passei por desfastio no mail associado a este blog, serm sequer pensar em postar.
O video, cujo link está em baixo, não o deixam postar, pertence ao mail enviado pelo Vicente e fez-me escrever.
Obrigado Vicente

As oportunidades continuam a não ser para todos, as aparências continuam a dominar obrigando-nos a julgar, esquecendo-nos de dar uma oportunidade para vermos o ser.
Os códigos e toda a sua parafernália de 'teres' fazem com que não liguemos às pessoas.
A mim continua-me a irritar.
Uma Mulher de 47 anos, que se mostra com uma dose de dignidade invejável, alegre, sabendo o que vale, brincalhona, dos confins de uma aldeia escocesa apresenta-se em palco.
Todos fazem troça, todos riem, porque todos se ficam pelas aparências
Se isto é no Reino Unido, como será por cá? principalmente naquela idade
Quantas oportunidades não foram nunca dadas?

NÃO PERCAM


10 comentários:

Adrian LaRoque disse...

Nunca julguemos as pessoas pela sua aparência.

CatarinaGarcia disse...

é realmente verdade, Já com o Paul Potts foi o mesmo, não me canso de ver este video:
http://www.youtube.com/watch?v=1k08yxu57NA
bj

FERNANDA & POEMAS disse...

OLÁ AMIGA, TENS TODA A RAZÃO NO TEU TEXTO... GOSTEI!!!
BEIJINHOS DE CARINHO,
FERNANDINHA

Mateso disse...

Claro que é! Claro que a aparência é o "It" necessário à sobrevivência. Claro que ser não importa . Claro que o mundo , hoje é dos jovens, claro que mais vale meia dúzia de patacoadas do que uma só verdade, una e justa. Claro que o ridículo é diferente, claro que o simplese é hoje néscio. Claro que já sou de meia idade...claro que não percebo...claro.
Desculpe o desabafo, mas soube bem...
Bj.

claras manhãs disse...

Olá Adrian

Meu querido, mas quase sempre o fazemos, quase automaticamente, já


beijinho

claras manhãs disse...

Olá Catarina

eu sei, ainda me lembro de Paul Potts e também fiz um post sobre ele no meu anterior blog

beijinho

claras manhãs disse...

Olá Fernandinha

Sinto-me tão envergonhada em relação a ti, Fernandinha
nem sei que te dizer por não aparecer no teu blog
A única desculpa é que ando desatenta e sem quase tempo para a blogosfera.

beijinho e obrigado pela tua generosidade

claras manhãs disse...

Olá Mateso

gargalhada
Oh minha querida! foi isso mesmo que eu fiz neste post.
Sê bem-vinda!

beijinho

cris disse...

É inato, na maioria das vezes, olhar o invólucro, quando há tanta coisa bonita, tanta, por dentro.

Meu beijo, Querida.

Ando meio afastada mas venho ver-te, sempre que posso.
Já tinha visto mas não cansa ver de novo.
Obrigada.

claras manhãs disse...

Olá Cris

Pois é minha querida, mas é uma pena que nos fiquemos por isso

beijinho